MENU

Gabi e Felipe [Casamento]

julho 20, 2017

A Gabi e o Felipe são um daqueles casais que você olha e pensa “Poxa, que casal legal!”, sabe? Tranquilos, visivelmente apaixonados um pelo outro, com muitos gostos em comum e uma sintonia de quem nasceu pra ficar junto. Desde o primeiro contato com a Gabi eu senti que eles estavam muito certos, determinados e serenos a respeito de tudo. O casamento foi na casa da família da noiva, em Miguel Pereira, em um lugar tão lindo que um monte de gente veio me perguntar onde era essa casa de festas tão maravilhosa quando eu postei algumas prévias na fanpage hahaha A noiva se arrumou com a mãe, irmãos e madrinhas em uma pousada muito fofa ali por perto e estava muito calma. Tudo que ela ia mostrando, ia me encantando cada vez mais. Tudo, todos os mínimos detalhes tinham sido pensados. As alianças, o cabelo com flores naturais, o vestido tão lindo, o detalhe nos pés, pois ela entrou descalça, os detalhes geeks na decoração, a música que ela iria cantar na festa, tudo tinha muito a cara dos noivos, até mesmo quem não os conhecesse poderia notar. O making of teve um clima leve e divertido, todas as madrinhas estavam muito emocionadas. Na hora de fotografar a Gabi segurando o vestido com a mãe, tivemos  o primeiro de muitos choros da noite. Aliás, a Juliana, mãe da Gabi, estava super empolgada e comovida, ela não parava de admirar a noiva, sorrir e mostrar fotos de quando a Gabi era uma bebê gorducha hahaha E foi impossível contar quantas vezes eu a flagrei com os olhos marejados. Depois de socorrer algumas meninas com minhas técnicas ninjas de passar roupas com o secador de cabelo, todas as moças ficaram prontas e, depois das fotos oficiais com os irmãos, madrinhas e pais da noiva, partimos para o local da cerimônia.

A decoração estava deslumbrante, não tem uma palavra que defina tão bem. O bolo parecia até de brinquedo de tão perfeito. A decoração toda com flores naturais foi pensada milimetricamente para combinar perfeitamente com a madeira rústica dos aparadores. As velas penduradas nos galhos da grande árvore que abrigava o altar deixaram o clima perfeito. As pétalas de rosas fazendo um tapete para que o cortejo passasse eram poesia pura. A luz… bem, a luz foi um espetáculo à parte. Impossível descrever a luz desse dia, nem as fotos, por mais fiéis que sejam, conseguem traduzir a beleza desse fim de tarde. Começamos a cerimônia com ela amena e alaranjada e, na hora do primeiro beijo, raios cor-de-rosa invadiam a cena para deixar tudo ainda mais perfeito. Para celebrar a união do Felipe e da Gabi, um grande amigo dos dois. Nos votos, muito carinho e cumplicidade. De todos os lados, muitos sorrisos e olhos rasos d’água. Todos vibravam, entende? O casamento deles foi muito comemorado, acho que eu tive a mesma impressão que todos sempre tiveram a respeito dos dois: foi porque tinha que ser, porque se amam e são muito felizes juntos. E falando em emoção à flor da pele, esse foi o casamento em que tive o pai mais emocionado. E se engana quem pensa que era o pai da noiva, ele estava muito feliz e visivelmente orgulhoso, mas quem chorou do início ao fim, com ênfase no início, foi o César, pai do Felipe. Aliás, achei muito bonito e poético ambos os noivos entrarem de braços dados tanto com o pai quanto com a mãe. E quando a Gabi desceu pela escadinha, pronta para ir para os braços do seu então noivo, ele estava abraçando o pai e a mãe e todos estavam muito muito muito emocionados. Lindo, né?

Depois da luz rosa, o dourado da “chuva” de papéis brilhantes tomou conta da cena e abriu espaço para a grande festa. O clima começou a esquentar com a banda de samba que abriu o salão e acompanhou a noiva em seu momento cantora. Gente, tem coisa MAIS FOFA que a expressão dos pais da noiva quando ela acaba de cantar? Isso que eu chamo de incentivo ao filho, sabe? hahaha Ele vibraram TANTO! O Felipe tirou a Gabi para dançar inúmeras vezes, fazendo a alegria das fotógrafas que amam quando o casal fica bem juntinho na festa hahaha Teve dancinha, coreografia, teve gente rebolando até o chão e teve até um chão-chão-chão protagonizado, inclusive, pela noiva. Eu e a Michelle, minha segunda fotógrafa, nos divertimos muito! Música maravilhosa, gente animada e aquele clima de felicidade plena no ar. O Felipe ficou emocionado algumas vezes e eu conseguia sentir a alegria e a gratidão que ele estava sentindo em viver aqueles momentos com pessoas queridas. Toda a hora ele abraçava um amigo, passava a mão na cabeça de outro, dançava com todos os grupos. A Gabi também distribuiu abraços e sorrisos para todos os amigos, familiares e principalmente para os pais e irmãozinhos mais novos. E a coisa mais fofa foi o Felipe encantado e apaixonado filmando e fotografando a Gabi durante a festa (aquela história do “case com alguém que te olhe do mesmo jeito”, sabe? Então!) Na hora do buquê, algo inusitado: quem pegou foi a avó da noiva, toda feliz e contente com seu feito hahahaha Foi um dia profundamente especial, com pessoas em harmonia vibrando o amor e eu me senti muito sortuda e honrada por poder não só fazer parte como eternizá-lo. É algo muito precioso poder tornar eterno um dia tão incrível.

Felipe e Gabi, obrigada é pouco! Mas na falta de palavra melhor, muitíssimo obrigada por terem me escolhido e confiado no meu trabalho. Foi uma alegria imensa estar com vocês e registrar tantos rios de amor vindo de tantos lados para desembocarem no imenso oceano de vocês dois. Obrigada de verdade!

 

CLOSE